Vereadora Cláudia Batista visita Secretaria de Educação


 
Nesta quarta feira (13), Cláudia Batista esteve visitando a Secretaria de Educação (SEMED), por ser uma das bandeiras que ela sempre defendeu e se comprometeu em ser atuante nessa área, pois entende que a educação é um dos pilares da sociedade.

Na oportunidade teve um diálogo positivo com o secretário José  Antônio, onde pode ouvir sobre a atuação e demandas da pasta, a vereadora entende que apesar dos poderes serem distintos eles precisam ser harmônicos entre si, sempre priorizando os anseios do povo.

Na conversa com o secretário sobre o ano letivo de 2021, este afirmou que o período de rematrículas se dará inicialmente para os alunos da Educação Infantil, ocorrendo do dia 18 a 22 de janeiro, já a matrícula para novos alunos ocorrerão de 01 a 05 de fevereiro, para alunos do Ensino Fundamental as matrículas serão em março, o secretário informou ainda que estão sendo ampliados os investimentos na educação, tanto em estrutura física quanto em sistema de informação.

Mesmo a Câmara estando de recesso, a vereadora colocou seu nome à disposição para somar junto a SEMED, com  o intuito de sempre servir melhor a população de Imperatriz.

(Assessoria/Gabinete)

Compartilhar:

Potiguar Imperatriz contrata Consultor de Vendas


 Os interessados em participar da seleção devem enviar currículo até este sábado (16)






O Grupo Potiguar está contratando profissionais para o cargo de Consultor de Vendas para a loja de Imperatriz. A empresa oferece remuneração e benefícios compatíveis com o mercado. O perfil do cargo é para a área comercial com especialização em vendas, com carga horária de 44 horas semanais, incluindo finais de semana. 

O candidato deve ter ensino médio completo e disponibilidade de horários, noções de informática e atendimento ao cliente, além de expertise comprovada com vendas. Entre outras funções do cargo destacam - se: Recepcionar, entender e oferecer a solução disponível de produtos na loja para os clientes; Atendimento telefônico e retorno de cotações; Prospecção clientes e praças de atendimento; Organização de produtos e de suas informações nos diversos setores da loja; Propor e implementar melhoria na exposição dos produtos, dentre outros. 

Os interessados em participar da seleção devem cadastrar currículo no seguinte endereço: http://www.apotiguar.com.br na opção 'Trabalhe conosco' ou ainda enviar currículos para o email: rh@apotiguar.com.br com assunto: 'Consultor de Vendas'. Atenção, o envio do currículo deve se dar somente até este sábado, dia 16. 


Assessoria de Imprensa da Potiguar

Compartilhar:

Vereadora Cláudia Batista participa da cerimônia de abertura dos trabalhos da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico

 

Vereadora Cláudia Batista participa da cerimônia de abertura dos trabalhos da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico

Na manhã desta terça-feira (12), a vereadora Cláudia Batista participou da cerimônia de abertura dos trabalhos da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SEDEC).

Na ocasião o secretário da pasta, Pastor Wilson Filho, apresentou propostas a serem trabalhadas no decorrer do ano.

Os projetos apresentados durante a solenidade visam gerar emprego e renda para a população de Imperatriz.


A vereadora Cláudia Batista fez questão de estar presente na cerimônia, pois acredita que a SEDEC tem contribuído para o avanço econômico da cidade, uma vez que a mesma, visa promover o desenvolvimento econômico e sustentável de Imperatriz, criando projetos que envolvem o turismo, agronegócio, indústria, comércio e a prestação de serviços do município.

"Como vereadora sei a importância de levar a público e divulgar a ideia da pasta, como no turismo e geração de emprego e renda. Pois o setor privado tem importante relevância para a economia do município. A secretaria tem esse papel, levar o trabalhador ao emprego, gerando ao município mais desenvolvimento. Imperatriz é a segunda maior economia do Estado, com o PIB de 7,26%, sendo uma contribuição significativa na economia. Estou nos primeiros dias do meu mandato e permaneço empenhada em contribuir com minha cidade e meu povo" finaliza a vereadora.

(Assessoria/gabinete)

Compartilhar:

ANEEL anuncia bandeira tarifária amarela para janeiro

 


A ANEEL - Agência Nacional de Energia Elétrica determinou que a bandeira tarifária para o mês de janeiro será amarela. O que trará uma economia para os consumidores, já que em dezembro estava em vigor a bandeira vermelha – patamar 2. Com isso, as contas de energia ficarão mais baratas no primeiro mês de 2021, com custo de R$ 1,343 para cada 100 quilowatts-hora consumidos.  

 

A Agência Nacional de Energia Elétrica divulgou também que a justificativa para a mudança da bandeira foi a melhoria nas condições de geração de energia elétrica no país. Criado pela ANEEL, o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o uso consciente da energia elétrica, principalmente nos momentos mais críticos dessa geração de energia.  

 

Por causa da pandemia da Covid-19, as bandeiras tarifárias foram suspensas em 2020. No entanto, com a queda no nível de armazenamento nos reservatórios das hidrelétricas e a retomada do consumo de energia a diretoria da agência reativou a sistemática de acionamento das Bandeiras Tarifárias, aplicando a bandeira vermelha patamar 2 no mês de dezembro do ano passado. 

 

A Gerente de Regulação da Equatorial Maranhão Rafaela Moreira alerta que "mesmo diante desta economia, é importante que o consumidor continue a utilizar a energia elétrica de maneira eficiente e sem desperdícios", destacou Rafaela. 

 

 

Assessoria de Imprensa


Compartilhar:

Veja o que funciona nos feriados de fim de ano em Imperatriz

 Horários do comércio variam durante o Natal e Ano Novo


Com a chegada do natal e ano novo, o comércio e alguns dos principais serviços, funcionarão em horário especial. Em um final de ano atípico devido à pandemia do novo coronavírus, é preciso ficar atento para o funcionamento dos estabelecimentos, pois mesmo com o feriadão, o intuito é evitar aglomerações e aproveitar as festividades intimistas sem maiores preocupações.

O comércio de Imperatriz tem funcionado em horário especial com expectativa de recuperação das vendas e adotando novas medidas de contato com o cliente via redes sociais e WhatsApp. Na véspera de Natal e ano novo as lojas do centro funcionam das 8h às 22h.

Os shoppings de Imperatriz também seguem em horário especial de funcionamento durante as vésperas dos feriados. No Imperial Shopping as lojas abrem nos dias 20 a 23, das 10h às 23h, dia 24 das 9h às 20h e dia 25 as lojas estarão fechadas, com praça de alimentação e entretenimento funcionando das 12h às 22h. Já no Tocantins Shopping, as lojas e praça de alimentação também estarão abertos no dia 24 das 9h às 20h e dia 25, somente a praça de alimentação funcionará de 12h às 20h.

Algumas lojas que não estão dentro do eixo central do comércio de Imperatriz também estarão realizando atendimento em horário especial. A loja Potiguar localizada no bairro Côco Grande na BR 010 na entrada da Vila Cafeteira no dia 24 funciona das 8h às 18h, e no dia 25, feriado de natal, estará fechada.

As agências bancárias de todo o país funcionarão em horário especial no dia 24 de dezembro e ficam abertas apenas por duas horas na parte da manhã. Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), a abertura das agências das unidades da Federação que funcionam no mesmo horário de Brasília será das 9h às 11h. Nos demais estados, das 8h às 10h (horário local). Nos dias 25 e 31 de dezembro, além de 1º de janeiro, as agências bancárias permanecerão fechadas para atendimento. Apenas os caixas eletrônicos continuarão funcionando nesses dias.

As agências de atendimento presencial da Equatorial Maranhão funcionarão até o dia 24 às 13h, retornando as atividades normalmente no dia 28, segunda-feira. Já os postos de coleta do E+ Reciclagem funcionarão no dia 24 e 26 das 8h às 12h, retomando também no dia 28 em horário normal. A empresa deixa disponíveis os canais digitais para quem precisar informar falta de energia, emitir código para pagamento ou segunda via de conta, consultar débitos, solicitar religação ou realizar cadastro de tarifa social baixa: Assistente Virtual, Clara (98) 2055-0116 e o site, www.equatorialenergia.com.br .

 

Durante a pandemia, as entregas e envios pelo Correios foram bastante solicitados. E para quem ainda deseja utilizar o serviço, no dia 24, as agências funcionam de 8h às 13h. Já nos dias 25, 31 e 01 não abrem.

 

Lícia Almeida

Assessoria de Imprensa

Canal Grupo

 

Compartilhar:

Moradores de Senador La Roque podem se cadastrar para trocar suas geladeiras velhas por novas e mais econômicas

 

O programa de eficiência energética E+ Geladeira Nova, da Equatorial Maranhão, chegou a Senador La Roque. Os moradores do município poderão concorrer para trocar sua geladeira antiga por uma nova e economizar na sua conta de luz. Para se cadastrar o cliente precisa ser o titular da conta, estar em dia com a Equatorial e se dirigir ao Ginásio de Esportes Senador La Roque - Rua Bandeirantes, Centro, nos dias 01 e 02 de dezembro, das 08h às 17h30. 
  
Na ocasião, a Equatorial Maranhão também fará troca de até 5 lâmpadas incandescentes ou fluorescentes por lâmpadas novas de LED (é preciso levar as lâmpadas antigas). Haverá também o cadastro da Tarifa Social Baixa Renda (que dá descontos de até 65% na conta de luz) e na Promoção Energia em Dia (que dá prêmios mensais aos clientes sorteados e um carro 0 km no final da promoção). A empresa ressalta ainda que todas as medidas de higiene e segurança deverão ser seguidas, portanto, os clientes deverão usar máscara.

Fonte: Assessoria de Imprensa
Compartilhar:

Saiba como funciona a Urna eletrônica de votação

 Conheça os principais itens e procedimentos que garantem um processo eletrônico de votação seguro


A urna eletrônica pode até parecer simples, mas tem muita segurança envolvida. Desde que foi adotada no processo eleitoral brasileiro, em 1996, a urna já contabiliza 13 eleições (entre gerais e municipais) bem-sucedidas, incluindo o primeiro turno das Eleições Municipais de 2020. Também foi utilizada em um grande número de eleições suplementares, consultas populares – municipais e estaduais, tais como o Plebiscito do Pará – e pleitos comunitários, sem qualquer vestígio ou comprovação de fraude.

Afinal, a Justiça Eleitoral utiliza o que há de mais moderno em termos de segurança da informação para garantir a integridade, a confiabilidade, a transparência e a autenticidade do processo eleitoral.

Confira abaixo quais são os principais itens ou processos que garantem a segurança das urnas:

Na fabricação – A Justiça Eleitoral contrata, por licitação, uma fábrica para produzir os equipamentos, acompanhando o processo e mantendo o controle total do que é feito. Os aparelhos somente são liberados após passarem por uma avaliação de técnicos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE): um teste funcional que avalia, entre outros itens, a aparência e o funcionamento dos componentes, a impressão e o teclado.

Segurança em camadas – A cadeia de segurança da urna eletrônica garante que sejam executados apenas os softwares desenvolvidos e assinados digitalmente pelo TSE. A proteção do sistema é feita em camadas formadas por diversas barreiras, que, em conjunto, não permitem que a urna seja violada. Qualquer tentativa de ataque causa um efeito dominó, que bloqueia o sistema e trava o equipamento, assim como qualquer tentativa de executar software não autorizado na urna eletrônica resulta no bloqueio do funcionamento. De igual modo, tentativas de executar o software oficial em um hardware não certificado resultam no cancelamento da execução do aplicativo.

Sem conexão – Embora seja eletrônica, a urna funciona de forma isolada, ou seja, não dispõe de nenhum mecanismo que permita sua conexão com dispositivos de redes, como internet e bluetooth. A urna também não é equipada com o hardware necessário para se conectar a uma rede ou mesmo qualquer forma de conexão com ou sem fio. O único cabo que ela possui é o de energia. Além disso, o sistema operacional Linux contido na urna é preparado pela Justiça Eleitoral de forma a não incluir nenhum mecanismo de software que permita a conexão com redes ou o acesso remoto. Isso inviabiliza ataque ou invasão de hackers no dia da votação.

Bateria – A urna eletrônica pode ficar ligada somente na bateria por mais de dez horas, por exemplo, no caso de faltar luz.

Manutenção – As urnas têm, em média, uma vida útil de dez anos. Durante esse período, passam por vários testes entre as eleições. As baterias são carregadas quadrimestralmente. Os componentes são exercitados para não se desgastarem.

Testes Públicos de Segurança (TPS) – Nos testes realizados antes de cada pleito, o TSE convoca especialistas para tentar quebrar as barreiras de segurança das urnas. Em cinco edições, não obteve sucesso nenhuma tentativa de quebra do sigilo de voto ou de desvirtuamento da destinação dos votos, mas todas as contribuições foram aproveitadas para incrementar ainda mais a cadeia de segurança dos sistemas.

Cerimônia de assinatura digital e lacração de sistemas – Seis meses antes das eleições, o software da urna e demais sistemas eleitorais são apresentados aos representantes de partidos políticos, Ministério Público, Ordem dos Advogados do Brasil e entidades previstas na Resolução TSE nº 23.603/2019. Na cerimônia, os sistemas eleitorais e os programas de verificação desenvolvidos pelas entidades fiscalizadoras são lacrados e assinados digitalmente.

Assinaturas digitais – Para todo o conjunto de software produzido durante a cerimônia de assinatura digital e lacração de sistemas, são geradas assinaturas digitais e resumos digitais. Caso haja qualquer suspeição quanto à autenticidade do software da urna eletrônica, as assinaturas digitais e os resumos digitais podem ser conferidos e validados por aplicativos ou softwares desenvolvidos pelo TSE e pelas entidades fiscalizadoras. Todos os dados que alimentam a urna eletrônica, assim como todos os resultados produzidos, são protegidos por assinatura digital.

Exclusividade – A urna eletrônica é exclusiva para votações e funciona somente na hora e na data dos pleitos. Neste ano, em razão da pandemia de Covid-19, a votação começou às 7h, mas, em tempos de normalidade, começa às 8h.

Auditorias – A Justiça Eleitoral prevê diversos momentos de auditoria para atestar a segurança, a transparência e a lisura da votação, tais como: a auditoria de funcionamento das urnas eletrônicas em condições normais de uso (anteriormente chamada de votação paralela) e a auditoria de verificação da autenticidade e da integridade dos sistemas instalados nas urnas eletrônicas.

A chamada “votação paralela”, que acontece no dia da votação, no mesmo horário da oficial, é uma eleição simulada, com cédulas previamente preenchidas e realizada nas urnas preparadas para a eleição. As urnas que participam da votação paralela são sorteadas na véspera da eleição em cerimônia pública, entre aquelas preparadas para a eleição dentro da respectiva unidade da Federação. As urnas sorteadas, já preparadas para o pleito, são encaminhadas para o local de realização da votação paralela, geralmente a sede do Tribunal Regional Eleitoral. A votação paralela é gravada em vídeo e serve para demonstrar que o voto digitado é o voto computado, de forma simples e visual. Os trabalhos de auditoria da votação paralela são públicos e podem ser acompanhados por qualquer interessado.

Além da “votação paralela”, em 2018, o TSE instituiu a auditoria de verificação da autenticidade e integridade dos sistemas. O procedimento consiste em verificar se os programas instalados nas urnas eletrônicas das seções sorteadas possuem as assinaturas digitais dos sistemas lacrados pelo TSE. Tal verificação ocorre na seção eleitoral, imediatamente antes da emissão da zerésima – documento que comprova que não há nenhum voto dentro da urna – e do início da votação.

Compartilhar: